PROMOGRAN PRISMA® 123 cm² – cod. PS2123 – KCI | Systagenix

Cobertura de Matriz de Regeneração Dérmica composta por colágeno, celulose oxidada regenerada (ORC) e 1% de prata-ORC.
Sua principal função é estimular lesões estagnadas e com atividade de proteases elevada (EPA) para modulação de seus níveis no leito da lesão promovendo a otimização de produção de novos tecidos.
Sem adesivo, Hipoalergênica, atóxica, medindo 123 cm² e estéril.
Contem 1% de prata em sua composição para promover inibição do crescimento bacteriano e fúngico sobre a lesão, proporcionando profilaxia de infecções locais.
Mas o que é EPA?
Atividade de protease elevada e excesso de produção de proteases pelas células presentes na ferida crônica, que causam um desequilíbrio no tecido danificado com a degradação da matriz extracelular e fatores de crescimento necessários para a cicatrização. Além de produzir radicais livres e facilitar a ação de bactérias oportunistas que podem ocasionar infecções locais.
A matriz PROMOGRAN  PRISMA® é indicada para o  tratamento de todas as feridas  que fechem por segunda  intenção e que estejam livres  de tecido necrótico, tais como:

  • Úlceras diabéticas;
  • Úlceras vasculogênicas;
  • Lesão por pressão;
  • Feridas traumáticas e cirúrgicas;
  • Áreas doadoras de pele.

OBS: A VENDA DO PRODUTO É POR UNIDADE (UMA UNIDADE POR CAIXA).

R$631.50 R$538.50

1500 em estoque

REF: PS2123Categorias: ,

Systagenix

Considero este produto espetacular e muito inovador pela capacidade que tem de devolver a esperança para o paciente/profissional que desacreditou que uma determinada ferida crônica não poderia cicatrizar. Não significa que o produto é revolucionário e irá resolver todas as lesões crônicas, mas muitas vezes o que esta impedindo que o tratamento avance pode ser o impacto da atividade de protease elevada (EPA), ou seja, o tecido novo que se forma é degradado pela própria ação do organismo.
As proteases são enzimas responsáveis pela degradação de proteínas e elas removem a matriz extracelular que não é mais necessária para o organismo. Entretanto nas feridas crônicas esses processos ficam desequilibrados e a atividade dessas proteínas comprometem a matriz extracelular recém-formada, ou seja, o novo tecido que é produzido para a cicatrização.
Desconheço a existência de outro curativo que tenha essa finalidade no mercado brasileiro. Seu potencial de modulação das EPAs garante que a ferida volte a ter resposta de proliferação de tecidos.
É importante considerar que a EPA é um problema não muito conhecido e dentre as feridas crônicas, 28% apresentam EPA¹ e as feridas que as apresenta tem uma probabilidade de 90% de não cicatrizarem (sem intervenção adequada)¹. Além disso o excesso de proteases nas feridas crônicas degrada o colágeno necessário para o crescimento celular e provoca a destruição dos fatores de crescimento²

  1. Serena T. et al. Protease activity levels associated with healing status of chronic wounds. Poster, Wounds UK 2011.
  2. Schultz G, Bennett N, Rotatori S, Macauley S, Moser M. Biochemical analysis of fluids from healing and chronic human wounds. Wound Rep Reg 1993;1:124.

É muito importante salientar que para o sucesso do tratamento a doença de base e comorbidades do paciente com ferida crônica necessitam ser tratados e controlados. Além disso hábitos como tabagismo, uso de drogas, álcool e uma boa nutrição devem ser considerados.
Utilizo Promogram Prisma e confio em seus resultados, as evidencias cientificas e estudos com o produto também comprovam sua efetividade.
Eu indico com certeza para meus pacientes e colegas especialistas.

1.PREPARAÇÃO

Prepare a ferida seguindo o protocolo padrão de tratamento e desbride quando necessário.
A matriz PROMOGRAN PRISMA® pode ser utilizada quando sinais visíveis de infecção estão presentes na ferida somente quando o tratamento clínico apropriado à causa subjacente esteja sendo realizado.
Hidratar com soro fisiológico para usar em feridas com baixo exsudato.

2.APLICAÇÃO:

Aplicar diretamente na ferida cobrindo todo seu leito. PROMOGRAN PRISMA® forma um gel em contato com o exsudato ou através da hidratação com soro.
Cubra PROMOGRAN PRISMA® com uma cobertura secundária para manter o ambiente da ferida úmido.
Escolha uma cobertura secundária de acordo com o nível do exsudato.

3.REAPLICAÇÃO

Não é necessário remover qualquer resíduo de PROMOGRAN PRISMA® durante a troca de curativos, uma vez que serão naturalmente absorvidos pelo organismo ao longo do tempo.
Após a aplicação inicial, reaplique PROMOGRAN PRISMA® em até 72 horas, dependendo da quantidade de exsudato.
Por favor, consulte as instruções completas para uso na bula do produto.
Nota: PROMOGRAN PRISMA® pode apresentar descoloração se exposto à luz, mas isso não altera suas propriedades.

Produtos Relacionados

Alta tecnologia a um clique de distância!